Durante esse período de pandemia e em vista de que possivelmente serão períodos cíclicos de quarentena, estamos tentando reinventar as interações sociais, adequando-as a esse novo paradigma para que sejamos capazes de atravessar a tormenta mantendo ou até expandindo nossas conexões uns com os outros.

Minha tão amada tecnologia tem apresentado um papel crucial nesse momento através de video chamadas, e-books, apps de celular, softwares, consoles, programas de música, entre outros.

Video chamadas e happy hours se tornaram bons companheiros e tem sido os motores de diversão à distância, mas HH pede música não é mesmo? Então como fazer para que todos escutem uma playlist compartilhada enquanto bebem e se divertem?

Testei dois aplicativos para criar uma playlist de músicas compartilhada com todos que estiverem no mesmo app.

Não estou recebendo nada pra falar deles, antes que perguntem

São eles JQBX e Vertigo, ambos funcionam de forma bem similar, é necessário criar uma conta no app e conectar sua conta Spotify, a partir desse ponto você pode criar uma sala/festa e compartilhar isso com as pessoas que também escutarão e controlarão a lista juntamente de você.

Além disso o JQBX conta com um feed de Top Rooms, salas de outras pessoas que estão teoricamente bombando nas quais é possível curtir músicas com desconhecidos e quem sabe até fazer amigos. É possível, inclusive, buscar salas por título ou gênero musical.

O Vertigo, por sua vez, possui uma funcionalidade social digamos um tanto quanto peculiar, somos capazes de postar atividade e encontrar pessoas de forma fácil, mas não é possível achar festas como no JQBX. Esse monte de funcionalidades, que mais parecem uma tentativa de ser um Instagram “musical”, me pareceram desnecessárias e confusas, já que o objetivo era fazer uma baladinha virtual.

Minha avaliação final é de que o JQBX é a melhor escolha, faz bem o serviço pra conectar amigos e de quebra ainda tem a comentada Top Rooms, mas se você for uma pessoa que ama interações no estilo Instagram vale dar uma conferida no Vertigo.

No final, acaba sendo uma forma de levar música para os vários momentos online que estamos criando ou até mesmo justificar um evento virtual.

Divirtam-se e comentem o que acharam dos apps.

Foto por Jason Leung - Unsplash